Vereador Wellington Dias intimida cidadão em seu trabalho


Na manhã dessa sexta feira 04/09/2015, um dia após a sessão em que os vereadores Oberdan Mendonça e Tom, foram absolvidos da cassação na câmara, o vereador Wellington Dias foi até o trabalho do cidadão,  reprimi-lo e intimida-lo por publicações feitas na rede social Facebook.

Isso aconteceu pelo comentário de que dizia “tá sobrando pizza e faltando óleo de peroba”.

Wellington Dias ainda disse que voltaria a tarde para continuar a conversa e “Comer a Pizza e passar óleo de peroba”.

O Cidadão  somente expressou sua opinião como a maioria dos cidadãos morrinhense, que estão indignados com a atitude vergonhosa do nosso representante Wellington Dias, que na sessão de ontem não abriu para fazer voto aberto. Wellington, sequer permitiu que os vereadores votassem para fazer ou não a sessão com votos abertos.

Wellington Dias, por varias vezes na câmara se exaltou repudiando atitude de manifestantes,  inclusive uma vez solicitou a prisão de uma manifestante, que não aconteceu após a manifestação dos presentes que se dirigiram até a moça gritando que para prende-la teriam que prender a todos.

Agora a pouco o cidadão faz uma nova postagem na mesma rede social dizendo:

post_douglas

Opinião

Eu também, como cidadão morrinhese estou envergonhado com a atitude da maioria dos nossos vereadores, que não estão fazendo nada do papel que deveriam.

Tive o desprazer de presenciar a sessão vergonhosa de cassação, onde o que parecia era que a maioria dos vereadores estavam com medo, não posso afirmar, mais como cidadão, o que me parecia é que a maioria estava com o “rabo preso”.

É triste ver que a politica está repleta de pessoas que só envolvem somente pelo seu próprio bem e não para o bem comum como deveria ser!

É triste ver um fato como esse, onde um vereador que deveria ser representante do povo, e faz uma atitude dessa, para reprimir a população de expressar suas opiniões.

É triste ver que a população foi calada por repressão de seus próprios governantes!

Será que estamos voltando a ditadura?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *